Palestra da NVIDIA na CES define o futuro dos games, da TV e do transporte

by sguttikonda

A NVIDIA compartilhou nessa CES sua visão para reinvenção de games, TV e transporte na palestra de abertura da CES 2017, destacando sua liderança em IA, deep learning, games e setor automotivo.

Além de revelar nossa visão com relação a inteligência artificial em carros, que têm suporte de várias das principais empresas do setor automotivo, o CEO da NVIDIA, Jen-Hsun Huang, anunciou que nosso serviço GeForce NOW será expandido para milhões de PCs e Macs e anunciou uma nova versão do SHIELD, o dispositivo de streaming mais avançado do mundo.

A função da empresa como líder em IA foi central durante a palestra de mais de uma hora.

“Por causa da inteligência artificial, agora podemos realizar todos os nossos sonhos que sonhamos por muitos anos”, disse Jen-Hsun. “O que antes era ficção científica se tornará realidade em alguns anos.”

De outro mundo

Um dos aspectos mais fascinantes da apresentação foi a tecnologia aplicada a ela em si. Conforme Jen-Hsun, vestindo sua marca registrada – a jaqueta de couro preta, falava, uma tela curva com o tamanho de um campo de futebol era ligada e exibia imagens, vídeos e animações. Parecia que ela tinha um alcance que envolvia o público de 3.000 entusiastas da imprensa, analistas e de tecnologia

NVIDIA’s giant 300-feet long screen at CES 2017
NVIDIA’s giant 300-feet long screen at CES 2017

O resultado parecia uma enorme experiência de realidade virtual. Com a tecnologia do software CANVAS dos Immersive Design Studios de Montreal e o mecanismo de games Unreal Engine 4 da Epic Games, a tela tinha quase 30.000 pixels de largura, e 1.080 de altura. Ela contava com um banco de 10 placas de vídeo NVIDIA Quadro para processar quase 2 bilhões de pixels por segundo.

Acelerando o setor de automóveis

A tela ajudava Jen-Hsun a transportar o público para distantes mundos digitais, mas uma das principais notícias foi como as tecnologias da NVIDIA mudarão o modo de navegarmos nesse universo.

Scott Keogh, presidente da Audi na América, se juntou a Jen-Hsun para anunciar que as duas empresa estão trabalhando juntas para colocar carros avançados de IA nas estradas até 2020.

CES 2017 – Huang speaks about $10T Transportation Industry
CES 2017 – Huang speaks about $10T Transportation Industry

Scott observou que, desde o anúncio da realização de uma parceria com a NVIDIA há dez anos, as vendas da Audi tiveram um salto de 60.000 carros por ano para 210.000 carros em 2016.

“Honestamente, o motivo de fazermos isso é a tecnologia maluca que nossos e seus engenheiros combinaram,” ressaltou Scott.

Jen-Hsun também forneceu detalhes sobre as parcerias com as empresas de mapeamento HERE e ZENRIN, e dois dos maiores fornecedores de equipamentos automotivos do mundo, ZF e Bosch.

Tudo isso faz parte de nosso esforço para reinventar o setor de transporte de US$ 10 trilhões com os carros de IA — veículos que usam IA baseada em deep learning para tornar a direção mais segura, personalizada e prazerosa.

É a única forma de gerenciar a complexidade de navegar por vias urbanas, afirmou Keogh.  “Não há programação suficiente no mundo que seja capaz de gerenciar o ambiente das ruas diariamente. A única forma de conseguir isso é com a inteligência artificial,” afirmou Keogh.

Scott Keogh, president of Audi of America, speaks with NVIDIA CEO at CES 2017
Scott Keogh, president of Audi of America, speaks with NVIDIA CEO at CES 2017

Para o fornecimento desse recurso, são fundamentais nossa plataforma DRIVE PX e nosso software DriveWorks, que integram uma variedade de sensores e combinam redes neurais múltiplas que aprendem com base nas experiências anteriores.

É uma tecnologia que você pode ver ao vivo na CES. “No Gold Lot você encontra um Audi com um computador para carros da NVIDIA que está se dirigindo sozinho agora mesmo. Não no final do próximo ano, não no final deste ano, agora mesmo,” disse Jen-Hsun, chamando atenção para uma demonstração que foi organizada para a CES.

Como o novo motor para essa visão, temos o futuro lançamento do nosso supercomputador de IA em um chip Xavier – um chip do tamanho de uma unha que utiliza nossa mais avançada arquitetura de placa de vídeo, a Volta –, oferecendo 30 TOPS (um trilhão de operações por segundo) de desempenho enquanto consome somente 30 watts de potência.

IA é meu copiloto

NVIDIA’s CEO Jen-Hsun Huang discusses AI Co-Pilot
NVIDIA’s CEO Jen-Hsun Huang discusses AI Co-Pilot

Estamos colocando essa potência em prática com o AI Co-Pilot, que promete ajudar seu carro a entender você tão bem quanto o mundo ao seu redor.
Há uma IA para reconhecimento de fala natural, para atender seus comandos de voz. Uma IA para reconhecimento facial, para que o carro saiba quem você é, ajustando preferências pessoais e eliminando a necessidade de uma chave. Uma IA para detecção de olhar, para que seu carro saiba se você está prestando atenção. E uma IA que pode ler seus lábios quando você diz o nome da próxima música que deseja ouvir se o volume do rádio já estiver alto.

Além das IAs no interior do veículo, o AI Co-Pilot integra sensores externos para poder informar quando uma bicicleta está entrando na rua e você está prestes a dobrar ou se um pedestre começou a cruzar a rua.

Além de ajudar você a dirigir melhor, nosso novo AI Auto-Pilot permite que o carro dirija a si próprio, combinando informações de uma série de sensores, mapas em HD e — graças à capacidade de compartilhamento de dados — uma fonte de conhecimento muito mais abrangente que mesmo o mais experiente motorista.

“Gostaríamos de tornar seu carro uma IA. Com a aplicação dessa tecnologia, podemos revolucionar o automóvel e trazer alegria, diversão e segurança a milhões de pessoas.”

Games GeForce para todos

NVIDIA CEO Jen-Hsun Huang unveils GeForce Now service
NVIDIA CEO Jen-Hsun Huang unveils GeForce Now service

A nuvem tem muitas aplicações além dos carros. Passando do transporte para os games, Jen-Hsun anunciou o GeForce NOW para Mac e PCs, oferecendo PCs gamer NVIDIA Pascal de alto desempenho sob demanda a partir da nuvem para milhões de PCs e Macs.

É uma forma simples de proporcionar a experiência de ótimos games para PC para novos jogadores, que podem não ter acesso a uma plataforma de games GeForce GTX de alto desempenho. O serviço conecta os gamers a PCs com GeForce GTX 1080 na nuvem, renderiza games com a mais atual tecnologia visual NVIDIA GameWorks e os transmite em alta definição para PCs e Macs.

Trazendo a IA para casa

Jen-Hsun também apresentou uma versão atualizada do SHIELD, que agora é compatível com 4K HDR e oferece o triplo do desempenho de qualquer outro dispositivo de streaming do mercado.

Com o acréscimo do Amazon Video ao 4K HDR, o SHIELD oferece o maior e mais aberto catálogo de mídia em impressionantes 4K – e também é compatível com Netflix, YouTube, Google Play Movies e VUDU.

New SHIELD revealed
New SHIELD revealed

O SHIELD também fornece acesso ao GeForce NOW com placas de vídeo GeForce GTX da geração Pascal na nuvem, GameStream aprimorado e novos games nativos do Android.

Por fim, uma grande variedade de futuros recursos transformará o SHIELD em uma central para casas inteligentes com tecnologia de IA. O SHIELD terá suporte à comunicação por voz do Google Assistente. E, com uma futura atualização, ele também será compatível com o SmartThings, tornando-se uma central residencial inteligente que pode se conectar a centenas de dispositivos inteligentes para a casa.

“Queremos poder transformar a sua casa em uma IA”, afirmou Jen-Hsun. Acreditamos que a interação entre sua casa e você acontecerá de forma simples e natural.”

E, para ampliar o alcance do SHIELD em sua casa, Jen-Hsun apresentou o SPOT, um acessório do SHIELD com microfone de IA que estende o controle residencial de forma inteligente.

NVIDIA Spot